quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Descrição do meu pai


Meu pai? Ele é moreno, queimado do sol. Não, ele não é surfista, nem pescador, nem mesmo moramos no litoral. Enfim, é alto, forte e careca ao melhor estilo ex-boxeador, e não é que ele se parece com o Maguila, muitos o conhece por esse apelido. Ah, é barrigudo também, acho que é marca registrada dessa geração de pais.
Minhas mãos e pés são todinhos dele, que falta de sorte! São grandes demais, como os dos homens, logo eu que sou tão delicada quanto um soco inglês. Por outro lado a cor, a altura e o porte devo agradecer de joelhos, pois não é que se ele se cuidasse maisficaria gostosão que nem eu. Argh! Retiro o que disse pais não deem ser gostosos!
A maioria das coisas que faz eu detesto, grande parte do que faz não tem sentido nenhum. Nem quero entrar nos detalhes, nos porques, visto que talvez nem venha ao caso apontar, elencar, explicitar os motivos.
No final das contas pai não é pra ser bonito, nem superherói, muito menos modelo a ser seguido. Como bem me disse um sábio dias atrás "Seu pai lhe deu o maior presente de todos"!





Convido os blogueiros para descreverem seus respectivos pais.

terça-feira, 12 de julho de 2011

Lendo saudade


O ócio a estava deixando louca... Resolveu escolher um livro e o livro a escolheu. Enquanto lia confirmava o sentimento que havia dentro si. Um amor tão profundo, tão lascívo quanto santo. A cada linha uma rebelião se dava em seu corpo, ela não sabia se apenas deleitava ou expulsava pra fora de si todas essas sensações. Pois parecia bem isso que ela explodiria de tanto desejo!
As mãos dele deixaram de ser imaginadas, agora ela era capaz de senti-las... Enxergar o prazer entrando, tomando conta daquele corpo que ela sentia já não ser mais seu. E as suas mãos passaram a acompanhar as deles deslizando por onde o fogo ardia...
Languida a ouvimos responder à saudade com suspiros e gemidos que esta (a saudade) é muito boa quando existe amor, pois o toque é certo apesar da distância.

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Improvisando um embrulho de presente

Faz um tempinho que estou com uma lembrancinha pra dar de presente, mas fato é que presentão, presente, presentinho, lembrancinha não tem graça se não tiver embrulho. E já que não tem improvisei.



Simples, bonito, trabalho e custo mínimos, além de aumentar o valor emocional do presente. Nada como fazer algo com amor e dá-lo de presente!

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Trilha sonora



Beijos, abraços e ao fundo aquela melodia!... E toda vez que a mesma música soar nos ouvidos, o cheiro, a sensação, o sentimento virá à tona na mente! E parece que fizeram a canção especialmente pra nós dois, tomamos posse por uso capião!  E quando estivermos juntos e a nossa música tocar tudo se tornará propício ao nosso romance, os beijos ficam mais ternos, o corpo mais cumplice, o coração e a mente mais apaixonados. E mesmo sabendo que só dizer que te amo não é suficiente farei uso dessas palavras ouvindo também as suas. E o amor não acaba quando a música termina, aprofunda-se uma trilha sonora, auditiva, sensitiva e espiritual ao seu lado!

quinta-feira, 31 de março de 2011

Comida, gula e academia!


Puxa, bife frito! Sorvete, sanduíche com muito queijo, chocolate... Você não tem idéia de como é ir caminhar com fome e jurando um jantar mais equilibrado todas as noites! Ontem, eu só pensava em alimentos totalmente não saudáveis... macarrão com queijo e molho branco... lembrava da minha saladinha que deixei esperando... bifinho frito bem temperadinho... não que odeie salada, pelo contrário adoro comidinha vegetariana. O meu problema é gosta de tudo junto saudável versus gordura trans ahauhaauhauah.
Mês passado eu disse que no próximo começaria a academia e pois é, passou tão rápido! Pode deixar, eu vou cumprir minha palavra. Díficil é desfazer ou maneirar no que a gente gosta. Claro, não estou uma porca de gorda, mas também não sou mais nenhuma garotinha o corpo daqui a pouco se manisfesta! rsrs
Quanto ao resto eu não prometo, mas chocolate eu não como até a páscoa. Tenho dito! Academia? É mesmo, pode deixar, eu vou sim. De verdade, eu vou. Aguarde e confie!

terça-feira, 8 de março de 2011

Nova raça anaconda


Facções religiosas descobriram a solução para o mau da humanidade, juntamente com cientistas coligados criaram uma nova raça de anaconda, uma cobra especializada em caçar e matar humanos. Em meio a rezas e orações a primeira cobra foi solta e sorrateiramente adentra a casa, abrindo janelas e tomando a laço suas presas. "Por mais que se corra é uma serpente rápida e inteligente capaz perseguir até mesmo o invisível!", diz um sobrevivente.

"Minha família e eu vimos quando ela chegou na nossa rua, o modo como se movia era inigualável, flutuava no ar com tal rapidez que nossos olhos eram facilmente hipnotizados. Trancamos janela e portas, inultilmente. O rabo dela era firme e flexivel abria as janelas e como um laço de rodeio tentava nos capturar. Ao passo que mudávamos de cômodo do lado de fora ela nos perseguia, lembro do seus olhos de fogo com fome de sangue. Consegui correr com toda minha família pra fora da casa e alcançamos o carro. Saímos numa arrancada só e parecia que não tínhamos saído do lugar a anaconda vinha atrás de nós tão perto que se não fosse pela acelerada brusca daquela hora certamente teria nos pegado."

Mais cobras foram soltas e as pessoas que conseguiam escapar se encontravam nos lugares mais recônditos da cidade, a procura de abrigo e comida ou quem sabe uma orientação do que pudesse estar acontecendo.

"Quem pôde saqueou e carregou nas costas o que deu, fiquei meses tomando apenas coca-cola, quando nos abrigamos no estoque da fábrica do refrigerante em questão, o que destruiu meus ossos quase que completamente. Quando elas nos encontraram mal pudi correr."

"Ficamos no mato enquanto os monstros atacavam a cidade, quando perceberam nossa reclusão vieram atrás nós ainda mais ferozes. Resolvi voltar com os poucos companheiros que restavam pra casa, as malditas ainda banqueteavam por lá. Entramos numa casa já apocaliptizada, os corpos ainda estavam quentes, o sangue tinha o cheiro do inferno. Resgatamos uma garota que, por Deus, conseguiu se salvar."

Em meio aos tropeços e barrancos, enquanto uns tentam fugir, outros tentam descobrir o ponto fraco das tais serpentes para quem sabe criar uma maneira de exterminá-las. As forças armadas mal tiveram tempo de entrar em ação foram os primeiros a serem atacados. O dono das cobras diz que morrermos é preciso e tudo que temos a fazer é rezar pra nossas almas serem aceitas no céu.

Eu queria muito saber se as cobras foram exterminadas, creio que sim, pois quando olhei pela janela não vi nadinha. Eu só tenho sonho louco!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...